segunda-feira, 13 de abril de 2009

É meu.

E eu comprei a calça. E caiu a ficha, EU TENHO A CALÇA QUE EU QUERO!

Entenda, por Deus! Eu comprei a calça eu consegui. Eu que tanto queria... Eu quis, e querendo eu consegui. Já li, já ouvi, entendi que: O que queremos já é nosso. Mas que coisa eu podia sair pulando pela rua, cantando na chuça, ou dançando a música tema de 'Hair' por ai. Vontade não me falta.

Vi a calça, experimentei, me apaixonei por ela e agora a tenho. Passaram-se dias e eu olhava e namorava aquele modelo, aquele tipo de calça e tudo mais. Não fazia idéia que ela estava me esperando lá, quietinha. Era minha, já era minha. Apenas por querer!

Céus! É minha finalmente cheguei no tempo que ela é minha! Passei por várias e exatamente a calça que eu queria está em minhas mãos, digo, no armário, mas hoje vou usá-la.

O que mais eu posso fazer, senão, acreditar? Acredite, não é por uma calça, ou o amor da sua vida, ou a sua carreira perfeita, apenas acredite.

Acredite em si, ame-se! Céus, A CALÇA É MINHA, PORRA! Se essa calça é minha, o resto que eu quero também é; basta esperar o tempo me trazer tudo.

Eu acredito, é meu! Você acredita, é seu!

Obrigada, acredite, descrença não leva a nada, literalmente.

5 comentários:

Flor disse...

Nooossa... eu tava perdida... não sabia mais onde era a sua casa. rsrs... agora te encontrei!
Obrigada pelo elogio... o segredo são grandes inspirações. rsrs... e com certeza vc as tem, tuas palavras são liindas.
Beijos.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olha, eu acredito muito nas pessoas que pensam assim, positivamente, e principalmente, com muita FÉ. Alberto Montalvão disse: Vença pela psicologia! Quem és? Querer é poder, basta apenas uma pequena dose de sacrifício! Já o Edward Purinton disse: As montanhas suavizam-se a voz do posso e derretem-se a voz do quero! Eu também sempre acreditei que quando a gente quer, a gente consegue, inclusive, as coisas só têm mais valor, quando são conseguidas com sacrifício, suadas.

Gostei do texto. Parabéns!

Estive navegando, avistei tua nave, gostei e não resistí.

Abraços,

Furtado.

Flor disse...

Acho que a calça era mesmo maravilhosa. Ou vc levou bastante a sério o "querer é poder".
Tá certo! Pra frente é que anda... e agora com calças novas.
Beijos.

Cleyton disse...

É sua, é sua!

J.BOSCO disse...

lindo blog, gostei muito de sua visita,menina!!
bjs